segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Última Noite Multicultural do ano


A Fundação Cultural de Blumenau convida a comunidade para a última Noite Multicultural do ano, que acontece nesta quinta-feira, 8, com a abertura  das exposições Percepção do Universo, de Myriam Medeiros, Rendas, de Marta Masiero, Impressões, coletiva de Cema Raizer, Susana Angeli e Nelson de Souza, Ponto, estrutura de fuga, de Flora Lindote, Condição Humana Realidade e Magia, de Jussara Pires e Esculturas do Acervo do MAB. No Espaço Alternativo serão apresentadas obras de artistas participantes do projeto Pretexto Sesc, com a assessoria de Fabiana Wielewicki. Às 19 horas acontece o lançamento do livro Verde Vale, edição em Braille, de Urda Alice Klueger, apresentação da Banda Noel, desfile de moda pela FURB e entrega de certificados aos Amigos da Cultura.  A promoção começa com uma conversa com os artistas. As exposições ficam abertas à visitação pública até 30 de janeiro, com entrada gratuita. O MAB fica na Rua Quinze de Novembro, 161, e o atendimento ao publico é de terça-feira a domingo, das 10 às 16 horas.

Percepção do Universo traz uma seleção de obras da artista blumenauense Myriam Medeiros (1938-2007); realizada em caráter in memoriam pela curadora Marina Heloisa de Medeiros Mosimann, marchand de tableaux, ex-diretora do Museu de Arte de Joinville e irmã da artista. A mostra reflete quarenta anos de pintura, que principalmente na abstração lírica foi sua expressão maior, o que a tornou reconhecida no Brasil e exterior, como artista que refletiu seu tempo. Essas obras vão além do simples belo, estão engajadas em uma visão holística do universo, própria da então decantada Era de Aquário dos anos setenta. O catálogo produzido especialmente para a exposição revela a importância da artista através da visão de cinco reconhecidos críticos de arte, permanecendo como documento para o registro do evento, e, acima de tudo, como fonte de consulta futura na arte-educação.

Na mostra Rendas, Marta Masiero apresenta a força e a delicadeza feminina. Em seus primeiros trabalhos, remexia em suas gavetas e mesclava suas rendas com outras, herdadas ou adquiridas, trazendo-nos assim para uma poética da delicadeza, formada por palimpsestos de grafismos. Já nesta série atual, a artista desconstrói suas rendas para criar outras, que agora se espalham mais livremente pelo espaço. O sistema construtivo das rendas é de certa maneira virado do avesso, fazendo com que a trama possa ser manipulada através das pequenas bolinhas rendadas, criando assim desenhos mais orgânicos e fluidos. Cada etiqueta equivale, por assim dizer, a um ponto, porém, que é sobreposto não através de uma ordem puramente racional ou mântrica, como na renda tradicional, mas que segue uma lógica própria governada pela sensibilidade artística.

Impressões, na mostra Cema Raizer, Nelson Júlio de Souza e Susana Butzke Angeli, tem como proposta resgatar a arte da gravura e suas infinitas possibilidades de reprodução.  Não contempla um tema único, sendo, antes de tudo, a reunião de obras que têm por objetivo mostrar a técnica tão nobre da gravura, utilizando matrizes e suportes mais contemporâneos.

Em Ponto, estrutura de fuga, Flora Lindote apresenta trabalhos utilizando as linhas de fuga, como pontos de partida para a reflexão do surgimento da vida, do movimento e da condição humana no mundo. A projeção dos desenhos na parede é usada como índice, como forma de reforçar a ideia de um evento que é ao mesmo tempo objetivo-físico e subjetivo-conceito.

Já em Condição Humana Realidade e Magia, lirismo, drama e humor são os temas recorrentes da exposição de Jussara Pires. Xilógrafa, pintora, desenhista, fotógrafa, escultora, a artista apresenta uma seleção de xilogravuras e handbooks originais e catalogados.

A visitação às exposições poderá ser feita até 30 de janeiro de 2013, de terça-feira a domingo, das 10 às 16 horas. Visitas mediadas podem ser marcadas pelo telefone 3381 6176. A entrada é gratuita. 

Livro em Braille


A Editora Cultura em Movimento e o Centro Braille da Fundação Cultural de Blumenau apresentam o livro Verde Vale, de autoria da renomada escritora blumenauense Urda Alice Klueger. Trata-se da publicação inédita de um romance destinado às pessoas cegas. Depois de muitos anos publicando em braille crônicas e poesias de diversos escritores de Blumenau e região, chega a vez do romance ganhar as páginas em um formato diferenciado e atraente. O grande interesse de pessoas com deficiência visual por romances em braille levou, em 2011, o Conselho da Editora Cultura em Movimento a aprovar a publicação pelo sistema braille.

Catarinense da cidade de Blumenau, Urda Alice Klueger nasceu em 16 de fevereiro de 1952. Seu primeiro grande sucesso foi Verde Vale, que conta uma saga dos primeiros colonizadores de Santa Catarina. Outros trabalhos seus são As brumas dançam sobre o espelho do rio (hino à natureza, à liberdade e ao amor), No Tempo das Tangerinas (conta a vida dos colonizadores do Vale do Itajaí, durante a Segunda Guerra e como a vida resiste às angústias - a guerra nunca acabava, mas o tempo das tangerinas voltava sempre), Vem, Vamos Remar (sobre as enchentes de Blumenau), Te Levanta e Voa (sobre jovens à procura de seu destino), Cruzeiros do Sul, Recordações de Amar em Cuba II, A Vitória de Vitória (infantojuvenil) e Entre Condores e Lhamas. Urda escreve, com linguagem simples e objetiva, obras consistentes e seu texto tem sabor de poesia.

Desfile de moda

Alunas da segunda fase do Curso de Moda da FURB, disciplina História da Indumentária I, apresentam um desfile de peças de roupas íntimas, casual e social, do início do século XIX até a década de 80.

Amigos da Cultura

Amigos e parceiros da Fundação Cultural de Blumenau serão homenageados com o Certificado Amigos da Cultura: Antônio Leite, Gervásio Tessaleno Luz, José Endoença Martins, Sônia Brey, Guido Heuer, Daniel Curtipassi, Carla Fernanda da Silva e Marcelo Labes; Giuliano Dutra, Coletivo OpiopticA, Grupo de Apoio e Prevenção à Aids - Gapa/SC, JC Ramos Filho - Preservativos Poéticos, Sesc - Serviço Social do Comércio, Sociedade de Amigos da Biblioteca Municipal Dr. Fritz Muller, Sociedade de Amigos da Banda Municipal de Blumenau e Sociedade Escritores de Blumenau; Decanter Vinhos Finos, Alpen Chocolates, Doce Beijos Chocolates, Chocolates Orion, Ballroom Dance, Cooper - Cooperativa de Produção e Abastecimento do Vale do Itajaí e Angeloni; Galegão Supermercados, Giassi, Ceasa - Central de Abastecimento de SC, Distribuidora de Alimentos Oliveira, Distribuidora de Frutas e Verduras Prado, Panificadora e Confeitaria Dalri e Padaria Pão e Vinho; Padaria Saxônia, Padaria Nice, Panificadora e Confeitaria Della Nonna, Restaurante e Confeitaria Torten Paradies, JC Sonorização, SCS Sonorização e Casa do Poeta Lindolf Bell; Grupo Uni Duni Tê, Escola Padre Martinho Stein, Secretaria Municipal de Educação de Timbó, Grupo Capivara de Cultura Rítmica, Sociedade Dramático Musical Carlos Gomes, Dudalina, Decorato Interiori - Móbil Design, Eletro Aço Altona, Cartondruck Gráfica, Colisão Indústria Têxtil e RR Donnelley Editora e Gráfica; Peugeot Citröen do Brasil, W-8 Têxtil, Blu Têxtil, Cia. Hering, Benner Sistemas, Weg Equipamentos Elétricos, Cromix Comércio de Brindes e serviços digitais, Printset Impressos Serigráficos, Estamparia Santa Maria, JL Comércio de Produtos Químicos, Amorim Acabamentos Gráficos, Incorpel Indústria Comércio de Papel, Nova Letra Gráfica e Editora, Gelo Água Dura e Zehn Bier; Ninha Flor Decorações, Blumenfeld Importação e Exportação de Objetos de Decoração, BML Patologia, Guia Fácil Editora de Listas Telefônicas, Cooperativa de Crédito dos Micro e Pequenos Empresários do Vale do Itajaí (Concredi), Câmara de Dirigentes Lojistas de Blumenau (CDL); Luiz Cé Propaganda, TV Galega: Programas: TV Galega Jornalismo , Galega na Sociedade, Programa da Valmira, Agenda do Vale Europeu, Arte e Cultura, Blumenau é 10, Jornal de Blumenau, TV Legislativa Cultura, SBT Blumenau, RIC TV Record - Programas: Ver Mais, Jornalismo, Furb FM/Furb TV - Programa Expressão, Jornal Folha de Blumenau, Jornal de Santa Catarina, Jornal A Notícia, Rádio CBN e Rádio Nereu Ramos; Jaime Batista da Silva - Blog do Jaime, Hamilton Antônio - site Sala de Notícias e Banca Star Vídeo Locadora.

Banda Noel

Nesta época de Natal, a Banda Municipal de Blumenau se transforma em Banda Noel, mudando de traje e apresentando repertório de músicas natalinas. Uma formação feita especialmente para as festividades de fim de ano, com o objetivo de levar a alegria e a magia do Natal para diversos bairros de Blumenau e região, através de lindas musicas natalinas que conciliam coreografia e execução e que, junto com um uniforme que caracteriza o período de Natal, dão um show à parte, mostrando a versatilidade e a qualidade dos eventos realizados na cidade.

Fontes: Mia Ávila, gerente do MAB (9977 9816 e 3381 6176) e Eliane Luchini,instrutora Braille FCB (3381 6191 e 9161 5813)
Assessora de Comunicação: Marilí Martendal (3381 6190 e 9943 0235)

Noite Multicultural e Amigos da Cultura


Rendas sem Regras enfeitam parede da Fundação Cultural


"Houve um tempo em que moças virtuosas aprendiam a fazer rendas, que enfeitavam as salas de jantar ou ficavam guardadas em gavetas", escreve Hugo Fortes, artista visual e professor da Universidade de São Paulo (USP) para apresentar o que se transformou em uma das paixões de Marta Masiero. A artista esteve esta semana em Blumenau para organizar a exposição Rendas sem Regras, uma das atrações que serão abertas ao público quinta-feira (8), durante a última Noite Multicultural deste ano.

No preparo das paredes, a artista colou rendas em formas variadas sobre um fundo branco. Esta e outras mostras podem ser vistas no Museu de Arte de Blumenau (Rua XV de Novembro, 161, Centro) até 30 de janeiro. "Mesmo que estas toalhinhas não chegassem a ser utilizadas, sua existência significava uma transmissão de conhecimento que deveria se perpetuar de geração em geração. Um saber de mãe para filha, uma história contada através de cada ponto dado", diz o professor Hugo Fortes, ao lembrar do legado dos enfeites de renda.

Em seus primeiros trabalhos, Marta Masiero remexia em suas gavetas e mesclava suas rendas com outras, herdadas ou adquiridas. A artista produzia impressões de rendas, às vezes diretamente sobre a parede, criando padrões através da sobreposição. Um enevoar de brancos e azuis se distribuía vaporosamente pelo espaço. A escolha cromática delicada poderia até remeter aos azulejos barrocos. As toalhinhas e rendados que outrora povoaram as casas tradicionais encontravam-se agora colocadas sobre a parede, evocando memórias, afetos, histórias.

Já nesta série atual, a artista desconstrói suas rendas para criar outras, que agora se espalham mais livremente pelo espaço. Ao invés da pura técnica da sobreposição, Marta passa a imprimir sobre etiquetas redondas, para novamente sobrepô-las.

DesenhosO sistema construtivo das rendas é de certa maneira virado do avesso, fazendo com que a trama possa ser manipulada através das pequenas bolinhas rendadas, criando assim desenhos mais orgânicos e fluidos. Cada etiqueta equivale, por assim dizer a um ponto, porém que é sobreposto, não através de uma ordem puramente racional ou mântrica, como na renda tradicional, mas que segue uma lógica própria governada pela sensibilidade artística.

As rendas de Marta Masiero mostram-se assim contemporâneas, incorporando a complexidade de um mundo em que rendas já não obedecem as regras e moças já não são treinadas para bordar. "Construindo e desconstruindo suas rendas, a artista conta um conto, aumenta um ponto, e nos envolve em sua trama poética", conclui Hugo Fortes.

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello

Noite Multicultural de Novembro



"Percepção do Universo" traz uma seleção de obras da artista blumenauense Myriam Medeiros (1938-2007); realizada em caráter de in memoriam pela curadora Marina Heloisa de Medeiros Mosimann. A mostra reflete quarenta anos de pintura, que principalmente na abstração lírica foi sua expressão maior, a que a tornou reconhecida no Brasil e exterior, como artista que refletiu seu tempo. O catálogo produzido especialmente para a exposição revela a importância da artista através da visão de cinco reconhecidos críticos de arte.
Na mostra Rendas, Marta Masiero apresenta a força e a delicadeza feminina. Em seus primeiros trabalhos, remexia em suas gavetas e mesclava suas rendas com outras, herdadas ou adquiridas, trazendo-nos assim para uma poética da delicadeza, formada por palimpsestos de grafismos. Já nesta série atual, a artista desconstrói suas rendas para criar outras, que agora se espalham mais livremente pelo espaço.
Em Impressões, Cema Raizer, Nelson Julio L.de Souza e Susana Butzke Angeli, tem como proposta resgatar a arte da gravura e suas infinitas possibilidades de reprodução.  Não contempla um tema único, sendo, antes de tudo a reunião de obras que tem por objetivo mostrar a técnica tão nobre da gravura.

 Ponto, estrutura de fuga, Flora Lindote apresenta trabalhos utilizando as linhas de fuga, como pontos de partida para a reflexão do surgimento da vida, do movimento e da condição humana no mundo. A projeção dos desenhos na parede é  usada como índice, como forma de reforçar a idéia de um evento que é ao mesmo tempo objetivo-físico e subjetivo-conceito.
Já em Condição Humana Realidade e Magia, lirismo, drama e humor, são os temas recorrentes da exposição de Jussara Pires. Xilógrafa, pintora, desenhista, fotógrafa, escultora, a artista apresenta uma seleção de xilogravuras e handbooks originais e catalogados.

No Espaço Alternativo serão apresentadas obras de artistas que participam do projeto Pretexto SESC com a assessoria de Fabiana Wielewicki.

Lançamento da Edição em Braille do Livro Verde Vale de autoria da renomada escritora blumenauense Urda Alice Klueger. Trata-se da publicação inédita da Fundação Cultural de Blumenau de um romance destinado às pessoas cegas.
Desfile de moda
Alunas da 2ª fase do Curso de Modas da FURB, disciplina História da Indumentária I, apresentarão um desfile de peças de roupas intimas, casual e social, do início do século XIX até a década de 80.
Entrega do Certificado Amigos da Cultura
Amigos e parceiros da Fundação Cultural de Blumenau serão homenageados com o Certificado Amigos da Cultura.
Apresentação musical: Banda Noel ´
Na época de Natal, a Banda Municipal de Blumenau se transforma em Banda Noel, mudando de trajes e apresentando repertório de músicas natalinas.
A visitação às exposições poderá ser feita até o dia 30 de Janeiro de 2013, de terça-feira a domingo, das 10 às 16 horas. Visitas mediadas podem ser marcadas pelo telefone 3381 6176. A entrada é gratuita. 

Serviço:
Noite Multicultural, com a abertura das exposições no MAB
Data: 8 de novembro  - quinta-feira
Horário: a partir das 19 horas
Local: Fundação Cultural de Blumenau