quinta-feira, 27 de agosto de 2015




O Museu de Arte de Blumenau (MAB) e a Associação Blumenauense de Artistas Plásticos (Bluap) estabeleceram parceria para promover uma oficina de aquarela, que será ministrada pela artista plástica Dulce Paladini. A oficina terá como público-alvo artistas associados à Bluap e comunidade em geral, porém as vagas serão limitadas a um número de 15 participantes. A pré-inscrição deverá ser feita até o dia 8 de setembro, via e-mail gerenciamab@fcblu.com.br. Os participantes receberão certificados.

A aquarela é uma técnica de pintura na qual os pigmentos se encontram suspensos ou dissolvidos em água. Os suportes utilizados são muito variados, embora o mais comum seja o papel com elevada gramagem. São também utilizados como suporte o papiro, casca de árvore, plástico, couro, tecido, madeira e tela.

Serviço

O que: Oficina de Aquarela ministrada por Dulce Paladini

Quando: dia 15 de setembro, das  8h30 às 12h e das 13h30 às 17h (carga horária 7 horas/aula).

Onde: Fundação Cultural de Blumenau - Espaço Elfy Eggert

Taxa de inscrição: R$ 15 (associados da Bluap são isentos)

Inscrição: como as vagas são limitadas, a pré-inscrição deverá ser feita pelo e-mail gerenciamab@fcblu.com.br até 8 de setembro. A confirmação dos inscritos será divulgada no dia 10 de setembro

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello

quarta-feira, 26 de agosto de 2015






Trajetórias, experiências, formas e movimentos, construção e desconstrução, temas que convergem para a passagem do tempo, memórias, imaginação, mudanças, valores éticos, morais e estéticos. Situações que trazem à tona questões que passam despercebidas, que foram alteradas e ou extraviadas, que podem descaracterizar significados, construir novos discursos, através de produções centradas em imagens do cotidiano. Esse é o diálogo estabelecido para a 4ª Temporada de Exposições do Museu de Arte de Blumenau (MAB), que terá abertura na quinta-feira 10 de setembro, às 19h, na Fundação Cultural de Blumenau.

A noite de abertura das exposições, além da conversa com artistas, contará com o lançamento da Edição Brasil em Números, volume 23 - pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e no Espaço Alternativo a Sociedade Escritores Blumenau (SEB) representada por 14 autores apresentará a instalação poética Poema em Arte. A temporada contará com as exposições "Plano de Cor", do paulistano Diego Castro, "Recre/Recri/Ação", da catarinense Belíria Boni, "Moedas", do paulistano Alexandre Frangioni, "Metamórficas", do argentino Javier Di Benedictis, e "Convergências", do catarinense Tchello d' Barros. A visitação poderá ser feita de terça-feira a domingo, das 10h às 16h, sempre com entrada gratuita.

Sala Oficial - Exposição: Plano de Cor

Sala Especial - Exposição: Recre/Recri/Ação

Sala Elke Hering - Exposição: Moedas

Sala Alberto Luz - Exposição: METAMÓRFICAS

Galeria do Papel - Exposição: Convergências

Serviço

 4ª Temporada de Exposições no MAB

Abertura: 10 de setembro, quinta-feira

Horários: 19h: conversa com os artistas e curadores
20h: abertura da 4ª Temporada de Exposições do MAB, com lançamento do volume 23 do Brasil em Números, apresentação musical e a exposição Poesia e Arte pela Sociedade Escritores Blumenauenses

Visitação: de terça-feira a domingo, das 10h às 16h, até 18 de outubro

Visitas mediadas podem ser marcadas pelo telefone 3381-6176

Entrada franca

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello

MAB abre salas expositivas para visita noturna


Na noite da quinta-feira, 20 de agosto, o Museu de Arte de Blumenau (MAB) abriu suas salas expositivas para visitação noturna. Recebeu 32 acadêmicos do curso de Publicidade e Propaganda da Sociesc/Ibes, acompanhados da professora Geisele Baumgarten Rosumek. A artista Maria Salette Werling, convidada especial, esteve presente, acompanhou a mediação da visita nas salas expositivas, contribuindo com informações sobre processos criativos, suportes e técnicas utilizadas.

Foram visitadas todas as mostras componentes da 3ª Temporada de Exposições do MAB. Os acadêmicos durante todo o processo mantiveram-se motivados e interessados pelas obras e artistas expositores, fizeram leitura de imagem, questionamentos e relacionamentos com suas futuras áreas de atuação. A professora Gisele, entusiasmada com os resultados obtidos, está programando novas possibilidades de visitas ao MAB e de participação em eventos promovidos pela Fundação Cultural de Blumenau.

Mia Avila, gerente do MAB, acredita que essa é uma das funções do museu, por ter a matéria prima, o insumo estético, podendo ser utilizado como uma extensão da sala de aula.

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Obras do MAB ilustram publicação do IBGE



O Brasil em Números, em versão bilíngüe, editado anualmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apresenta informações básicas para o estudo e conhecimento da realidade socioeconômica nacional. É um valioso instrumento de consulta e subsídio para análises e planejamentos. Reúne dados que permitem traçar uma síntese da realidade brasileira em seus múltiplos aspectos, sendo destinado a todos aqueles que desejam conhecer melhor o país de forma prática e ilustrada. Para ilustrar a publicação do volume 23 - ano 2015 do Brasil em Números, o IBGE convidou o Museu de Arte de Blumenau (MAB). O lançamento da obra acontecerá às 20h do dia 10 de setembro, durante a abertura da 4ª Temporada de Exposições do MAB.
Durante seu histórico, o Brasil em Números vem sendo ilustrado com o acervo de museus sediados em vários estados brasileiros. Em cada edição, um museu é selecionado pelo IBGE, para em parceria, ilustrar a publicação com imagens de obras de arte, na capa e no início de cada seção temática da publicação. A utilização de imagens e figuras agrega aspectos artísticos e regionais incluindo componente cultural de forma permeada por toda a publicação.  As obras são reproduzidas também em material promocional com cartazes, folders, tanto impressos, como eletronicamente no site do IBGE.
Adicionalmente, na introdução, um texto de abertura e fotografia apresentam o museu selecionado, destacando seu histórico e suas principais características. O acervo do museu escolhido deve ser capaz de oferecer conteúdo artístico representativo, que agregue valor cultural e educacional ao projeto.
Conforme o gerente de Relações Institucionais do IBGE, David Montero Dias, diante de sua trajetória, o Museu de Arte de Blumenau vem demonstrando significativo crescimento, atingindo a maturidade e reconhecimento necessários. “A proposta de socialização da arte voltada à formação cidadã, aliada a projeção cultural do MAB dentro e fora do Estado de Santa Catarina, torna a instituição elegível, indo ao encontro de nossas expectativas editoriais”, diz ele. “Por tudo isso, o Museu de Arte de Blumenau foi a instituição selecionada para o Brasil em Números 2015. Destaca-se ainda o fato inédito de ser o MAB o primeiro museu parceiro do Brasil em Números que encontra-se sediado fora de um município sede de capital estadual".

Responsabilidade

Mia Avila, gerente do MAB, enfatiza que é uma honra o museu receber esse convite, importante não só para o museu, para a instituição ao qual está vinculado Fundação Cultural, mas também e principalmente para a cidade de Blumenau, que passa a ter o registro de ser a primeira cidade, sem ser sede de capital estadual, a participar do editorial do IBGE e a sediar o lançamento do mesmo. Honra e grande responsabilidade, levando-se em consideração que nas edições anteriores as parcerias foram estabelecidas com o Museu e Instituto Inhotim - Minas Gerais, edição 2014; Museu de Arte Moderna da Bahia, edição 2013; Museu de Arte do Rio de Janeiro, edição 2012, apenas para citar alguns exemplos.
A partir de um recorte curatorial, a equipe do IBGE analisou os trabalhos, possibilidades de diagramação e adequação, para ilustrar a capa e a abertura de cada capítulo  do editorial - Brasil em Números -  volume 23 - ano 2015, elegendo 24 obras do acervo do MAB, representativas de 22 artistas.


Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Alunos de Gaspar visitam museus do Centro Histórico

Alunos da Escola Agenor Zimmermann, de Gaspar, participaram de um roteiro educativo nesta quarta-feira, dia 12, na Fundação Cultural de Blumenau. Os 120 estudantes visitaram praticamente todos os equipamentos culturais do Centro Histórico. O grupo conheceu os Museus da Família Colonial e de Artes. O passeio também contemplou a Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller e o Mausoléu Dr. Blumenau.

Divididos em três turmas, eles estiveram nas exposições Cor'rompida, de Maria Carmen von Linsingen, Tramas de Seda, de Valdir Francisco, Chuva de Ouro, de Cristiane Molhalen, Entrenós, de Franzoi, e Interlúdio Freudokafkaneano, de Sérgio Canfield. Também assistiram ao vídeo Desterra, de Bya Medeiros. "As exposições despertaram bastante interesse nos alunos, que fizeram várias perguntas sobre os artistas, seu processo criativo e técnicas utilizadas", salienta Mia Ávila.

As exposições ficam abertas para visitação até domingo, dia 23, no horário das 10h às 16h (terça-feira a domingo). Visitas mediadas podem ser agendadas pelo telefone (47) 3381-6176.





Foto: André Paris
Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello